quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

I Got Worms


Hoje venho com a dica de um desses jogos tão casuais que você praticamente não jogo.
  

Em “I Got Worms” você encarna um fazendeiro de minhocas e como tal seu único objetivo é criar e vender minhocas, ajudando-as a crescer, expandindo e melhorando o canteiro delas. Você inicia o game com apenas uma minhoca, que se movimenta sozinha, mas não é muito inteligente então você pode controla-la através de comandos simples de direção norte, sul, leste e oeste. Uma vez que tiver dinheiro suficiente, pode expandir seu terreno, aumentar a oferta de comida, melhorar sua inteligência e comprar outras minhocas, que passarão pelo mesmo processo.

O jogo é simples e só apresenta desafio mesmo no começo do game. Desafio que é, de fato, bem enfadonho. No entanto, uma vez que você o supera, o jogo passa a se jogar sozinho mesmo. As minhocas se tornam inteligentes e rápidas, então você fica ganhando muito dinheiro, em pouco tempo, sem fazer nada. Sem contar que o game também conta o tempo que você fica ausente, então você pode fechar o jogo, ir dormir e na manhã seguinte terá alguns milhões pra gastar e melhorar sua fazenda.

É divertido, mas mal dá pra chamar isso de jogo e também cansa rápido.

O game não tem trilha sonora e conta com um visual bonito, pixelado e simples, com comandos na tela rápidos de se entender.

Dessa forma, “I Got Worms” é uma alternativa bacana para uma tarde desocupada.


quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Corruption: Bem-vindo ao Brasil


Hoje a dica de um game muito criativo inspirado pela nossa tão presente corrupção brasileira.


 Em “Corruption: Bem-vindo ao Brasil” você lidera um gabinete político cuja única atividade realizada no local é o enriquecimento ilícito. Você começa com um tesoureiro e um político corrupto que vai juntando dinheiro para você, com mais dinheiro você pode comprar mais corruptos e melhorar os seus corruptos já existentes, aumentando sua eficiência, que aumenta os seus ganhos e sua inteligência, que diminuem as chances dele ser pego pela lava-jato.

O jogo se trata de um clicker e como todo game do gênero começa chato pra caramba, muito lento e enfadonho, mas ele também te oferece diversas vantagens, como uma espécie de mini-game que te garante vantagens por alguns segundos, como ganhos triplicados ou velocidade duplicada. Isso salvou o jogo para mim, pois numa dessas ganhei alguns milhares de reais e pude melhorar o meu Tiririca e assim prosseguir no game de forma mais divertida.

Uma vez superado esse primeiro momento, o jogo fica bem legal, com muitos ganhos e novas opções, como a impressão de dinheiro num banco estatal e o reinício do game, que te garantem uma nova carreira, limpa e longe da corrupção, além de aumentar o seu prestígio, que garante uma maior segurança perante a lava-jato.

Infelizmente, o jogo ainda está numa espécie de early access, não está completo e eu, por exemplo, não vi começarem as investigações da lava-jato. Logo no começo do game ele também te avisa que novas atualizações virão, com mais políticos e acontecimentos, o que promete uma jogatina ainda mais divertida.

Dessa forma, o game não consegue garantir uma boa longevidade, mas é muito divertido por uma tarde ou duas.


quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Podcast #58 - O que estamos jogando


Nesse episódio, Bulma, Desgraça e Ken-Oh falam do que estão jogando recentemente: Valiant Hearts, Nier: Automata e Shin Megami Tensei IV. 

   Se preferir, baixe a versão em mp3
   Ou assine o nosso feed: http://feeds.feedburner.com/PodcastLocadoraTV

   Envie seu e-mail para: locadoratv@gmail.com

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Podcast #57 - News de janeiro de 2018


   Está de volta o LOCADORA NEWS! Podcast de notícias do LocadoraTV, onde falamos das últimas notícias mais interessantes da indústria dos videogames. Hoje contando com a presença de Bulma, Belo, Ken-Oh e Desgraça.

   Se preferir, baixe a versão em mp3
   Ou assine o nosso feed: http://feeds.feedburner.com/PodcastLocadoraTV

   Envie seu e-mail para: locadoratv@gmail.com

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Podcast #56 - Lançamentos do início de 2018


   No programa de hoje, comentamos sobre os lançamentos de jogos do primeiro semestre de 2018. Será que vai ser tão bom quanto ano passado? Acho que não, mas a lista até que está bastante boa de qualquer jeito.

   Se preferir, baixe a versão em mp3
   Ou assine o nosso feed: http://feeds.feedburner.com/PodcastLocadoraTV

   Envie seu e-mail para: locadoratv@gmail.com

   Sobre o programa:
Tem Spoilers de Final Fantasy XV entre os minutos 48:18 e 50:34

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

They Are Billions


Este é, provavelmente, o jogo mais difícil que joguei em minha vida e, com certeza, o mais difícil desse ano, até agora.

Em “They Are Billions”, disponível para PC, através da Steam e ainda em Early Access, você encarna uma espécie de senhor feudal numa região devastada por zumbis e seu objetivo é manter a sua vila em pé por uma determinada quantidade de dias, sobrevivendo a invasões zumbis, desenvolvendo novas tecnologias, explorando recursos e criando defesas.


É um jogo de estratégia clássico, ambientado num cenário steampunk e com uma dificuldade absurda. Logo no início do jogo você pode fazer uma série de mudanças que irão diminuir ou aumentar a dificuldade, como o número de dias a serem resistidos e a gravidade da crise zumbi e eu já vou avisando, só venci o jogo com as configurações mais fáceis.

Ali em cima eu disse que você encarna uma espécie de senhor feudal, porque você não é o prefeito da cidade, muito pelo contrário, conforme sua população vai crescendo, eleições ocorrem para a eleição de um prefeito, você é só uma pessoa muito rica que consegue manter uma vila inteira sob o seu comando. Os prefeitos nada mais dão do que alguns bônus para a sua jogatina, como prédios que podem ser construídos sem gastar recursos e novas unidades de defesa da sua vila.

O jogo contém uma grande variedade de recursos e tecnologias a serem desenvolvidas, que devem ser exploradas de forma rápida, pois as invasões zumbis são imperdoáveis, mas talvez pelo fato de ainda estar em Early Access, falte algumas coisas no jogo que facilitam a sua vitória, que depende de sorte aliada a estratégia. Se você não cair num terreno bom, você não vai conseguir conquistar a vitória.

Além disso, ele oferece a função de parar o tempo, algo que você irá usar muito em sua jogatina, já que o game exige diversas ações sendo executadas ao mesmo tempo, o que aumenta a dificuldade, te forçando a pensar em diversas estratégias para avançar no game.

Nos aspectos técnicos o jogo também surpreende. Tinha tudo para ser um game com gráficos fracos, mas eles são muito bons, na verdade, com personagens e prédios bem detalhados e o próprio site diz que os gráficos tem suporte a 4K (mas quem de nós tem acesso a um monitor 4K?). O áudio também foi bem cuidado, nota-se um efeito bem interessante, cujos sons de prédios e personagens só é audível quando você foca neles ou os seleciona. Os personagens também falam.

Enfim, “They Are Billions” é um ótimo jogo de estratégia e que, apesar de seus defeitos, ainda tem a chance de melhorar e se tornar um dos mais divertidos jogos de estratégia de todos.