sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Abreu Project

Escrito por Surfista Aluminado

 

E ae, locadores! Tudo firmeza? Espero que sim. Aqui é o seu amigo Surfista Aluminado novamente. Como não censuraram meu último post neste garboso e cheiroso blog, eu resolvi sem a pressão de ninguém (leu isso né senhor Guarda “cadê meus outros 2 posts, Surfista” Belo) fazer um post curtinho de indicações.

Indispensável pra quem curte vídeo jogos e boa musica, Abreu Project, segundo a pagina de facebook deles, é uma banda instrumental fundada em 2006 e idealizada pelo multi-instrumentista Leandro Abrel. Abaixo segue um top 5, que se não te convencerem a seguir agora o canal da banda no You Tube, ou o Spotify dela, nada mais poderá ser feito com relação ao seu mal gosto musical.

Vale muito a pena deixar as musicas tocando enquanto você joga qualquer que seja o game.

Aquatic Ambience – Donkey Kong Country

Wild Scene – Chrono Trigger

Green Hill Zone – Sonic the Hedgehog

The Forest Of Monsters - Super Castlevania IV

Metal Man Stage - Mega Man 2

E é isso ai amigos, espero que vocês curtam a indicação, caso vocês já conheçam a banda, mandem ai nos comentários quais musicas vocês mais curtiram. Ah! Segue ai o Spotify pra quem quiser mais praticidade pra ouvir as musicas. Inté!

Cabo Daciolo Adventure


Essas eleições têm sido um dos momentos mais lamentáveis da história do nosso país, onde apenas extremos parecem ter voz, mas no meio de tanto chorume um candidato se destacou pela Glória de Deus e é claro que vagabundo não perde tempo e foi lançado o Cabo Daciolo Adventure.


Pilotando um helicóptero, o jogo nos coloca no papel do nosso futuro presidente na luta eterna contra as forças do mal, o papa nazista, os illuminatis, George Soros, a maçonaria, a Havan, a URSAL e até Ctulhu.

A jogabilidade é simples e feita em cima dos jogos estilo Flappy Bird, onde você tem que dar toques na tela para o seu personagem ir para cima. Com breves toques você desvia dos inimigos da pátria amada, alguns muito difíceis de enfrentar, inclusive, como a URSAL e os Ctulhu, que se lançam contra você. Para pontuar, há moedas ao longo do game, que mostram o seu score ao final do game.

Para completar a homenagem ao grande mestre temos ainda áudios de suas elocubrações brilhantes, nos ensinando o mal que é a URSAL, revelando os planos da Nova Ordem Mundial e nos agraciando com suas bênçãos.


Infelizmente, nem tudo é perfeito nessa vida e o game apresenta muitas propagandas entre uma partida e outra. Aparentemente, o criador fez outros games, também baseados em política, mas o que vale a pena mesmo é este aqui.

Simulando as aventuras do verdadeiro defensor do nosso país, Cabo Daciolo Adventure não é apenas uma ótima forma de entretenimento para os momentos livres, mas uma forma de conscientização contra os inimigos da nação.


quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Podcast Locadora 89 - Troféus, Conquistas e Complecionismo


No Locadora Repórter de hoje: falamos de raiva, alegria, tristeza e outros sentimentos que esse vício letal traz nos jogadores de videogame *aham*

Business Cat, Ken-Oh, Bulmo, Desgraça e Belo discutem sobre esse aspecto tão presente nos jogos que ganhou enorme destaque devido aos achievements, falando do lado bom e mal desse complecionismo.

   Se preferir, baixe a versão em mp3
   Ou assine o nosso feed: http://feeds.feedburner.com/PodcastLocadoraTV
   Envie seu e-mail para: locadoratv@gmail.com

   Links:
Post sobre complecionismo
Sala vazia em ICEY / Falando dos troféus
Canal The Completionist

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Review - Torna ~ The Golden Country

   Devo dizer que comecei esta DLC com altas expectativas. Eu havia gostado bastante do jogo original (você pode ler minha review na Revista Locadora #2) e estava ansioso para ver novos desenrolares de um mundo que me cativou tanto, ainda mais por esse trecho de história já ter sido mencionado e um pouco abordado em Xenoblade Chronicles 2. No fim das contas, me foi apresentado em Torna ~ The Golden Country uma excelente história de prequel.  


quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Podcast Locadora 88 - Multiplayer Local


Belo, Business Cat, Desgraça e Ken-Oh relembram suas jogatinas onde a cooperação e competição eram feitas no mesmo espaço, tempos onde não podíamos nem reclamar de lag pois mal dava pra jogar online. Dando continuidade ao papo de um cast antigo, vamos falar novamente de multiplayer, mas dessa vez vamos focar no multiplayer local, discutindo sobre os mais memoráveis jogos pra se jogar junto ou contra os amiguinhos

   Se preferir, baixe a versão em mp3
   Ou assine o nosso feed: http://feeds.feedburner.com/PodcastLocadoraTV
   Envie seu e-mail para: locadoratv@gmail.com

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Review - Hollow Knight [Switch]

   Esse mês tive a oportunidade de pegar um jogo que sempre ouvi falar bastante bem, o Hollow Knight. Eu sabia bem pouco dele, além de ser um metroidvania, antes de comprar numa promoção por conta do lançamento da última expansão, mas acabei fazendo justamente por conta dos excelentes comentários e das belíssimas imagens e cenários que esse game proporciona e, em grande parte, foi o que eu recebi. 


quinta-feira, 13 de setembro de 2018

2 Anos de Locadora!

   Aqui estamos nós comemorando 2 anos do blog, algo que eu não achei que duraria mais de alguns meses, mas que tenho muito orgulho de fazer parte. Acho que só funciona pois todos os participantes realmente gostam um do outro e também de participar dessa zona que é o nosso grupo de amigos. No meio de argumentações intermináveis sem conclusão nenhuma, sai um produto final que me dá gosto.

 

   Atualmente nosso produto principal é o Podcast Locadora, que chega aproximadamente na casa dos 150 downloads/visualizações por programa, outro número que eu não imaginava alcançar, mas agradeço a cada um que acompanha nossos devaneios sobre joguinhos. Falar de vídeo games é sempre bom, é um hobby para todos nós (incluindo ouvintes) e ter essa plataforma para bater um papo que nem sempre temos possibilidade de fazer no dia a dia é uma alegria. 

   Inclusive, se tem algo que eu gostaria que crescesse nesse terceiro ano de blog, é a nossa comunidade. Fica o convite para que vocês, ouvintes e leitores, participem mais, seja através de e-mails, comentários ou twitter (você acha tudo isso no fale conosco), estamos sempre abertos a opiniões, sugestões ou críticas. 

   O ano dois do Locadora TV acabou por ter uma quantidade muito menor de posts, já que paramos de compartilhar notícias e eventualmente até com o Locadora News, mas o Podcast Locadora continua firme e forte, já se aproximando da edição número 100. Isso sem contar os Bate Papos e afins que não eram contados e a mais nova adição, o projeto de carreira solo do Guarda Belo, o +1 Ficha.

   Mas meu projeto preferido dentro deste humilde blog com certeza foi a Revista Locadora. Essa revista surgiu puramente do gosto que nós temos por esse tipo de conteúdo, foi algo bastante trabalhoso mas que valeu muito a pena. Devo falar que isso foi provavelmente a coisa que eu mais me orgulho de ter feito na vida. Não que isso seja muito difícil, mas ainda assim toda a construção dela, partindo da ideia, escrita dos textos e toda a diagramação e confecção das páginas, coisa que eu nunca tinha feito na vida, para no fim ver o resultado final e ficar extremamente satisfeito foi bastante recompensador.


   Nesse ano também tivemos a contratação do Bulmo, que entrou para ajudar na Revista Locadora número 2, onde é possível ver claramente uma evolução grande de qualidade. Infelizmente o projeto não foi além por uma série de motivos, mas o cara ficou e tomou conta da parte gráfica do site, elevando também a qualidade das capas dos podcasts e muito mais.

   Bom, na verdade eu tinha mais coisas pra falar, mas o blogger acabou por apagar meu texto que estava pronto e não estou conseguindo me lembrar de todo o resto. Por fim deixo apenas uma mensagem de agradecimento a todos que nos acompanham, gostando ou não do nosso conteúdo. Tudo que sai aqui é puramente porque gostamos de fazer e temos a esperança que possa agradar os ouvintes e leitores tanto quanto.

   O Locadora é um grupo que só cresce e isso tenho a agradecer os outros integrantes, pois vemos muito por aí de projetos que acabam ou trocam várias pessoas da equipe e isso é algo que eu tenho certeza que não preciso me preocupar por aqui. Segue o que cada um tem a dizer.

Felipe
   Parabéns ao Locadora pelo seu segundo ano de vida. Que venham muito mais! Essa experiência foi tão louca que eu nem vi o primeiro ano passar...

Ken Oh
   2 anos de locadora. Quem pensaria q chegaríamos tão longe? EU, LOGICAMENTE!!!! YAHAHAHA!!! Quero agradecer a todos os ouvintes que nos acompanha a tempos e aqueles que chegaram agora, agradecer pelo apoio e por acompanhar nossa empreitada. Logicamente agradecer a equipe do locadora pelos ótimos programas gravados e sempre divertidas e digo que é realmente algo de que gosto de participar. Bem acho que é isso, que venham mais cast e que continuemos esse ótimo trabalho.

Bulmo
   Ah, os joguinhos, um dos meus passatempos favoritos. Além de jogar, sempre curti conversar e ler sobre, então a revolucionária rede mundial de computadores deixou esse passatempo ainda melhor com os podcasts. Desde que os conheci, escuto alguns sobre jogos incluindo o Locadora como um dos mais recentes da minha lista. Depois de muito tempo como ouvinte desse tipo de programa, não imaginava que acabaria sendo participante de um, e olha no que deu heheh! Entrei no Locadora TV no finalzinho do ano passado e fui conhecendo um pouco mais parte da galera com quem eu só tinha contato através de comentários em sites. Passei a fazer parte de um novo grupo. Um grupo com uma galera divertida, engraçada e que não tem tempo ruim! Belo, Cat, Ken, Desgraça e Felipe, ouvintes e leitores, obrigado a todos! Parabéns pelos 2 anos de site e que venham mais! Abraços!!

Guarda Belo
   Nesses dois anos de LocadoraTV descobrimos que:

- Zeca Super Games tem +10 de velocidade quando o assunto é fugir da polícia.
- Smash Bros não é jogo de luta (É verdade,o próprio Sakurai disse isso).
- Senran Kagura é o melhor jogo de todos os tempos!!!
- Que só o Rain Man consegue decifrar o por que que os jogos no Brasil são tão caros.
- E que vale muito falar de games com os colegas!!!

O cerne do LocadoraTV é falar de jogos por que gostamos deles,espero sinceramente que continue assim.

Desejo tudo de bom para a Locadora!!!
E feliz aniversário se for seu aniver...não, pera.

Desgraça
   Um tanto quanto bizarro pensar que já chegamos aos 2 anos de site, e um pouco mais se considerar o verdadeiro começo do Locadora, mas ninguém se importa com esse.

   Sempre tive vontade de fazer parte de algum meio de criação de conteúdo e finalmente consegui, não que seja difícil, mas acredito que fazemos um conteúdo bom, mesmo com pouca gente acompanhando. Pode ser que o LocadoraTV não dê em nada e acabe amanhã, mas esses dois anos de site foram bastante valiosos para mim, não só pela experiência em escrever textos, gravar e editar podcasts, como o tempo que passei com o pessoal daqui.

   Espero que você, ouvinte/leitor, se entretenha com o LocadoraTV tanto quanto nós nos divertimos em fazê-lo. Se não, foda-se você, espero que morra enquanto nós acendemos ao sucesso. Enfim, agradeço a todos que nos acompanham e o resto do pessoal da equipe: Business Cat, Ken-Oh, Belo, Felipe e Bulmo. É um enorme prazer fazer parte desse grupo.

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Podcast Locadora 87 - Boss Fights


Preparem suas curas, afie sua espada, carregue sua escopeta, recupere sua mana, pois chegou a hora de enfrentar o CHEFÃO! Nesse episódio Business Cat, Desgraça, Bulma e Belo falam sobre um dos aspectos mais icônicos dos videogames, as Boss Fights. Falamos de franquias como Dark Souls, Super Mario, Zelda, Metal Gear, Resident Evil e outros, lembrando que isso é apenas a "primeira parte" e podemos revisitar esse assunto facilmente, então não esqueça de deixar suas sugestões e histórias com os mais memoráveis chefes dos joguinhos.

ALÉM DISSO, amanhã, dia 13, o LocadoraTV completará 2 anos de existência (do Blog, ao menos) e comentamos sobre isso no início do podcast.


   Se preferir, baixe a versão em mp3
   Ou assine o nosso feed: http://feeds.feedburner.com/PodcastLocadoraTV
   Envie seu e-mail para: locadoratv@gmail.com



Links:
Post de 1 ano do site
Post de DOIS ANOS do site
Bossfight do Phantom em Mario + Rabbids
Great Mighty Poo de Conker's

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Hollywhoot: Idle Hollywood Evolution Parody


Mais um desses jogos infinitos que te forçam a reiniciar ele várias vezes.

Em “Hollywhoot” você encarna em um menino que foge de casa com o sonho de se tornar o melhor diretor de cinema de todos, obviamente. Após uma breve abertura que lembra histórias em quadrinhos, você começa o jogo com uma sala num prédio comercial, um ator e muitas ambições. Esse é um daqueles famosos jogos em que você pode deixar o jogo rodando que ele vai ganhando pontos sozinho. Seu objetivo é fazer filmes e quando a produção for finalizada, ganhar dinheiro com esses filmes. 


No início você só tem um ator e um gênero para poder escolher, mas assim que ganhar mais dinheiro poderá contratar mais atores e quanto mais dinheiro ganhar, maior será o seu nível e com os níveis, vem novos gêneros.

Além dos diferentes gêneros, você pode treinar os atores para que se desenvolvam em personalidades “famosas”, o que quer dizer que é aqui que vem a graça do game: os atores evoluem e ganham alcunhas, que são paródias de famosos personagens do cinema. São três principais categorias que você pode desenvolver em seus atores, físico, carisma e atuação, com a combinação desses três, você vai desbloqueando novos atores e a combinação desses atores irá render qualificações melhores para os seus filmes e assim mais dinheiro.

É um jogo simples e que ainda tem a possibilidade de reiniciar tudo, quando você escolhe receber prêmios de Hollywhoot e assim iniciar uma nova jogatina só que com várias vantagens, como mais ganho de dinheiro com cada filme.

A simplicidade na jogabilidade chama a atenção, mas também há a simplicidade nos gráficos e na trilha sonora. Os gráficos lembram um estilo cartunesco, desses desenhos animados mais recentes e as músicas servem apenas para não deixar o jogo mudo, ou seja, não cheira, nem fede.

Enfim, “Hollywhoot” se mostra uma divertida paródia em vídeo-game da indústria cinematográfica de Hollywood, nos apresentando um universo engraçado e carismático, num jogo casual muito divertido.